Ácido hialurônico: procedimentos minimamente invasivos para o rejuvenescimento

Atualmente, pela correria do dia a dia e a falta de tempo, os pacientes procuram por procedimentos de rejuvescimento facial com um período curto de recuperação e com baixo risco de complicação. Além da toxina botulínica, muito conhecida e usada em todo mundo, temos o ácido hialurônico sintético em forma de gel. Estabilizado pelo processo de reticulação, com o objetivo de aumentar sua longevidade, é estruturalmente similar ao encontrado na pele, gerando assim uma excelente biocompatibilidade e boa integração tecidual.

Esta substância é um polímero de polissacarídeo produzida naturalmente pelo nosso organismo e está presente principalmente na pele, com a função de reter água, conferindo hidratação e volume. Porém, com o envelhecimento, a pele vai sendo degradada e o organismo diminui a capacidade de reposição, resultando no aparecimento das rugas, na perda de volume e na alteração do contorno facial.

No mercado há várias marcas de ácido hialurônico e diferentes concentrações, para a realização de procedimentos distintos:

– Hidratação da pele (também conhecido como Skinboosters ™): através da aplicação de pequenas quantidades do produto em vários pontos da derme da área a ser tratada conseguimos uma melhor hidratação e, consequentemente, maior elasticidade da pele suavizando as rugas . Um exemplo de indicação é o tratamento da pele envelhecida do dorso das mãos.

– Preenchedores: a aplicação deste produto na derme ou subdérmico permite o preenchimento de sulcos como o nasogeneano, linha de marionete, goteira lacrimal e lábios. Assim conseguimos tratar olheiras , aumentar os lábios e suavizar a expressão facial .

Volumização: a perda de volume é um componente fundamental do processo de envelhecimento facial. Os fatores que contribuem para isto são a redistribuição de gordura, a remodelação óssea e outras alterações na composição dos tecidos. Antigamente apenas a cirurgia conseguia resgatar algumas dessas alterações, porém sem repor o volume. O ácido hialurônico é uma alternativa para a correção da perda volumétrica , das alterações de contorno e para conferir suporte e estrutura facial.

Recentemente, o cirurgião plástico Dr. Maurício de Maio desenvolveu uma técnica para reforçar a percepção de que cada unidade estética facial (ex.: malar, mento, lábios etc) compreende subunidades que deverão ser respeitadas durante a aplicação do ácido hialurônico. Estsas subunidades, os MD Codes ™, são pontos estruturais que irão criar ou recriar uma arquitetura facial mais natural e desejável para os pacientes. O plano de tratamento é personalizado atendendo às necessidades de cada paciente.

A tecnologia de retirculaçao do ácido hialurônico existente em determinados produtos resulta em um gel com maior resistência à degradação, aumentando o tempo de duração dos resultados. Sua viscosidade e coesividade proporciona fácil ancoragem, modelando as estruturas faciais e levando a resultados que conseguíamos apenas com cirurgia.

Quer saber quais tratamentos são indicados para você?
A Dra. Rosana Saboia é especialista na aplicação de ácido hialurônico e outras técnicas para rejuvenescer. Ligue 041 3224 9470 ou 3234 2172.

41. 3224-9470 | 41. 3234-2172

contato@geneseclinica.com.br

Rua Visconde de Nacar, 656 – Mercês. Curitiba – PR

Copyright – Desenvolvido com por Azempresas.com.br

Fechar